Grey's Anatomy

De Segunda a Sábado, às 17h

As próximas transmissões de Grey's Anatomy

close
Terça, 27 Set
You're My Home
Temporada 11
Episódio 245
Terça, 27 Set
You're My Home
Temporada 11
Episódio 245
Quarta, 28 Set
Time Stops
Temporada 11
Episódio 244
Quarta, 28 Set
Sledgehammer
Temporada 12
Episódio 246
Quarta, 28 Set
Sledgehammer
Temporada 12
Episódio 246

AS 5 MORTES MAIS COMOVENTES

5-muertes-conmovedoras

Por mais que amemos nossos cirurgiões de “Grey’s Anatomy”, também nos identificamos com seus pacientes. Esses personagens e suas histórias em geral permanecem por um episódio ou dois, mas não é preciso muito tempo para que desejemos que eles permanecessem mais tempo.

A pior parte de ficar tão emocionalmente envolvido com uma série que se passa em um hospital é que alguns desses incríveis pacientes por quem nos apaixonamos têm que morrer. Assim, prepare-se e deixe sua caixa de lenço de papel pronta porque apresentamos para você as cinco mortes de pacientes que destruíram nossos corações na série.

Denny Duquette (Temporada 2, Episódio 27: "Losing My Religion"): Quando pensamos nos pacientes que nos fazem chorar, o primeiro nome que vem à mente é Denny. Izzie Stevens se apaixonou por ele de imediato. Foi muito comovente ver os outros cirurgiões tentar salvá-lo. Ficamos devastados quando, apesar de todos os esforços, Denny morreu justamente quando parecia estar melhorando. Pobre Izzie!

Wallace Anderson (Temporada 6, Episódio 8: "Invest your Love"): Como esquecer do menino com síndrome do intestino curto que não esperava chegar ao seu 11o aniversário? Arizona teve que operá-lo porque os pais doaram uma grande soma em dinheiro ao hospital em seu nome, mas ela sabia que a cirurgia era uma má ideia. Apesar de ter feito tudo o que podia, Wallace não sobreviveu.

María Portman (Temporada 7, Episódio 6: "These Arms of Mine"): Ficamos contentes quando María sobreviveu ao tiroteio no hospital, sobretudo por ela ter ajudado a cuidar de Charles Percy depois do tiro. Contudo, não conseguiu sair com vida da colostomia de rotina; ficamos especialmente comovidos com seu marido levando flores todos os dias, quando ela estava inconsciente.

Holly Anderson (Temporada 5, Episódio 10: "All By Myself"): Holly e sua irmã Emma apareceram na sala de emergência depois de um acidente de automóvel. Ambas estavam brigando desde o momento em que entraram no hospital, e antes que Holly entrasse em cirurgia, Emma lhe disse que esperava que morresse. Que final dramático!

Susan Grey (Temporada 3, Episódio 23 "El otro lado de esta vida"): Meredith nunca foi apegada à família, sobretudo quando se trata de alguém relacionado com seu pai. Levou um tempo até que gostasse de sua mulher Susan, mas a amizade parou quando ela apareceu com um caso de soluço e morreu na cirurgia.

O que você acha? Perdemos algum dos seus momentos mais tristes? Não perca os novos episódios da série todas as segundas, às 22h.

Conte-nos qual foi o paciente de quem você mais gostou e que morreu em Grey’s Anatomy. Clique aqui e veja se outras pessoas têm a mesma opinião que você. 

Comments: